2005-07-30

sem ti

No relógio de areia
cada grão é um universo
de tempo que estou sem ti.

Katraponga

olhar

Vejo-te no mar.
És o meu ser
E dás-me calma.

wind

2005-07-29

ondas

Nas ondas do mar
Navega o meu corpo
para te olhar

wind

eternidade

Doem-me as horas
Que se demoram sem ti.
Sinto tua falta...

jacky (29.07.2005)

2005-07-28

Sedento

Para que serve tanto mar
a beijar-me os olhos?
Morro de sede de ti.

2005-07-27

furacão



Desabaste em mim
Como furacão de prazer.
Sereno, partiste.

Jacky (24.07.05)

2005-07-26

nudez

Sonhei com teus olhos
Desnudavam-me toda a alma
Presos no meu corpo...

jacky (06.06.2005)

2005-07-24

Cor-de-rosa



Tão intensa a rosa:
rubra, mesmo desfolhada.
Há espinhos de sangue.

Nocturno

Descubro-te nas manhãs
frescas e serenas.
E quantos beijos nocturnos...

A linha do horizonte

Surges no horizonte,
como palavras num livro,
e em tudo volto a acreditar

Reinvenções

Queria beijar-te,
Reinventar teus desejos,
Incendiar-te sempre.

jacky (23.07.2005)

partida

Perdida fiquei
Nas minhas inseguranças
Com tua partida.

jacky (22.07.2005)

desejos

Presos ao meu corpo,
Desejos encandescentes
à espera de ti.

jacky (21.07.2005)


Espera por mim!!
Meus pensamentos correm
para a volúpia dos teus desejos

Fernando F (22.07.2005)


Qual flor que se fecha
à beleza da tempestade
retrais-te tu ao desejo do amor

Fernando F (22.07.2005)

2005-07-23

Laço

Num laço arco-íris,
a frescura suave do nascente
e o atar da amorizade

2005-07-22

suspenso

Suspenso no tempo,
O dilúvio do teu beijo
Em lábios secos.

jacky (26.05.05)

aroma

Entranhado em mim
está o doce aroma
do amor do teu corpo

Fernando F (20.07.2005)

2005-07-21

perda

Dizes que me amas,
Mas não consigo acreditar.
Perdi as palavras.

Jacky (21.07.2005)


Abre a tua mente
encontrarás as quentes
palavras que perdeste

Fernando F (21.07.2005)


Dizes: São palavras.
Eu garanto: É o amor
que fala em mim.

@paixonado (21.07.2005)


recorda:
o amor vive de esperança
e visita-nos a horas incertas

Marian (21.07.2005)


Surges no horizonte,
como palavras num livro
e em tudo volto a acreditar.

Katraponga (21.07.2005)

2005-07-20

sabor


Warhol


Ainda nos lábios
Teu sabor determinado
Entranhado em mim.


jacky (20.07.2005)

2005-07-19

brisa

Brisa quente -
ao de leve afaga
e adormeço.

uxka (18.07.2005)

encontro - desencontro


Paul Kennedy


Sigo pela estrada
Deixando tudo para trás
Para te encontrar.


jacky (18.07.2005)

Sigo pela estrada
Deixando-te para trás
Para me encontrar.

Zero (19.07.2005)

Pela estrada
vou sonhando
a beleza do teu ser

Fernando F (19.07.2005)

2005-07-18

África

A terra despertou
e ofereceu à manhã
a perfumada passagem dos anos

lágrima do sol

Uma lágrima do sol
ecoou no ocaso e morreu
num anel do teu cabelo


Katraponga (06.07.2005)

camomila


IPS


Camomila em flor,
colhi-te para acalmares
tristeza e dor...


jacky (23.05.05)

camomila em flor,
chá de acalmar,
shampoo de aclarar.


grilinha (24.05.05)

divindade

Colhi uma flores,
Entrançadas no cabelo,
tornei-me tua deusa.


jacky (05.07.05)

Veneza


Nancy O'Toole

Sonhei-me em Veneza
Deambulando nas ruas
De olhos fechados.


jacky (07.07.2005)

Em Veneza passeei
Nos seus canais
me encontrei


Fernando F (15.07.05)

2005-07-17

beijos

Na ponta do caule,
Algumas flores espreitavam
Nossos beijos rubros.


jacky (13.07.05)

Nos nossos lábios havia
Beijos que sonhavam
Um dia serem dados


Katraponga (17.07.05)
Who Links Here